Festival Ciranda Livre reúne arte e ativismo pelos parques da capital

A Rede Novos Parques SP e o Movimento Parque Augusta celebram o Dia do Índio, sábado, dia 19, com o festival Ciranda LivreA programação terá início às 14h, nas imediações do Parque Augusta, último oásis de mata virgem no centro de São Paulo e símbolo de uma luta coletiva por espaços de convivência e áreas verdes na cidade.

Zé Celso e a trupe do Teatro Oficina marcam presença no festival (Foto: Claire Jean)

Zé Celso e a trupe do Teatro Oficina marcam presença no festival (Foto: Claire Jean)

Neste mesmo horário, o grupo do Teatro Oficina e o coletivo Índio é Nós  farão um cortejo pela Avenida Paulista, saindo do vão livre do Masp, seguindo pela Avenida da Consolação – onde está localizada a Casa Amarela, casarão abandonado recentemente ocupado por um coletivo de mais de 120 artistas – até chegar ao Parque Augusta, palco do festival que abrigará DJs, oficinas, contação de histórias e feira de comida orgânica.

 

(Foto divulgação)

(Foto divulgação)

Os organizadores preveem que as atividades devem se estender até às 20h, horário em que o cortejo seguirá para o Teatro Oficina para encerrar o festival.

Serviço:

Cirada Livre Parque Augusta

Concentração: 14h, nas calçadas das ruas Augusta e Caio Prado (Centro)
Ciranda Livre: 17h

Música
Picanha de Chernobill
Rãs Hippies
DJ Malungo
Discotecagem de vinil
DiscoBolha

Rango
Frutanik, Coletivo VEDDAS (Traga fruta!)
Oficina do Suco Verde, Grupo do Bem Estar e da Felicidade

ARTE & CULTURA
Contação de Histórias com Arabell Hadife
Estêncil com Coletivo Não Mate & Victor Bispo


Veja também!...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>