Filme sobre a era de ouro da noite gay faz sessões por R$ 1 em SP

Após algumas exibições em São Paulo, o documentário histórico São Paulo em HI-FI, do diretor Lufe Steffen, está de volta às telas paulistanas. O filme será exibido nos dias 26, 27, 29 e 30 de abril, na Galeria Olido, com ingressos a R$ 1. Nos dias 1 e 2 de maio, as exibições serão na Academia Paulista de Letras, no Largo do Arouche. A entrada é gratuita.

hifi22

São Paulo em HI-FI é o novo projeto do diretor paulistano Lufe Steffen. Em 2012, o cineasta estreou no Mix Brasil seu primeiro documentário, A Volta da Pauliceia Desvairada, que focalizava a vida noturna da capital de SP no momento atual, invadindo bares e boates gays da metrópole e entrevistando os habitantes desse universo.

E foi durante as gravações de “Pauliceia” que surgiu a ideia do novo filme. Ao retratar o cenário da noite LGBT de hoje, o diretor sentiu o estímulo para fazer uma espécie de “prequel”: produzir depois um filme contando a história que ocorreu antes.

Chega às telas agora, portanto, “São Paulo em Hi-Fi”, que se debruça sobre as décadas de 60, 70 e 80. Foram entrevistadas cerca de 25 pessoas, testemunhas do período, que desfiaram suas lembranças e memórias sobre as peripécias vividas em cada época. Entre os entrevistados, surgem figuras famosas como o escritor João Silvério Trevisan e o jornalista Celso Curi, além de veteranas estrelas da noite como Gretta Starr e Miss Biá.

Na pesquisa, vieram à tona casas noturnas lendárias como Medieval, Nostro Mondo, Homo Sapiens, Corintho e Village Station Cabaret. Bares também foram lembrados, como os alternativos Val Improviso e Cowboy, e os points lésbicos Moustache e Ferro’s Bar.

hifi08

Para ilustrar e rechear os depoimentos, o diretor recorreu a um vasto material de arquivo, que reúne imagens de arquivos pessoais e outras garimpadas nos acervos de jornais e revistas, além de trechos de VHS e até material rodado originalmente em Super-8.

Com isso, o público poderá conferir um mosaico nostálgico e irreverente, mas que tem seus momentos melancólicos e emocionantes: o contexto histórico do filme mostra as barbaridades da ditadura militar e a devastação da aids nos anos 80. Vale conferir.

Confira a programação:

Dias 26 e 29 de abril, às 19h
Dias 27 e 30 de abril, 1 e 3 de maio, às 17h

Confira o trailer!

Serviço:

São Paulo em HI-FI

Cine Olido
Avenida São João, 473, Centro
R$ 1

Academia Paulista de Letras
Largo do Arouche, 324
Grátis.

Veja também!...

5 Comentário

  1. Yuri disse:

    Existe alguma outra data de exibição ?

  2. sa disse:

    nossa conheci a Baite Corintho quando ainda tinha 16 anos de idade, foi minha primeira vez numa boate gay, divina, nunca tinha visto tantos gays lindos num único lugar de uma só vez… Gente linda e até famosos circulavam livremente por lá!!! Homo Sapiens foi a minha segunda!!!

  3. xenia disse:

    Boms tempos este. .. Saudades da corinto.

  4. Carlos Fonseca disse:

    Não existe um projeto ou alguma luz para que ás pessoas fora eixo rio e são paulo possam ter acesso a assistir esse fantástico trabalho? Fiquei doido para assistir.
    =/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>