Peça retrata vida de casal gay unido por mais de seis décadas

Foto: Ronaldo Gutierrez/Divulgação

Foto: Ronaldo Gutierrez/Divulgação

Falar sobre preconceito e superação nunca é demais. Sendo assim, nada mais representativo que a história de amor de um casal homossexual que viveu junto por mais de seis décadas. Os desafios, a forma como os obstáculos foram ultrapassados e a maneira como eles lidaram com a passagem do tempo são alguns temas retratados no espetáculo Ou você poderia me beijar.

Com direção de Zé Henrique de Paula, a montagem reestreia no dia 16 de maio no Teatro do Núcleo Experimental. Após todas as dificuldades vividas, o casal é separado pela única circunstância inevitável: a morte. Após a partida de um deles, o companheiro enfrenta a dor do luto e tenta sobreviver a ela.

A peça, que é baseada em um texto do autor britânico Neil Bartlett, tem no elenco os atores Claudio Curi, Roney Facchini, Marco Antônio Pâmio, Rodrigo Caetano, Thiago Carreira e Felipe Ramos. Cada um deles interpreta os personagens em uma fase da vida. Já os papéis femininos são feitos por Clara Carvalho.

Foto: Ronaldo Gutierrez/Divulgação

Foto: Ronaldo Gutierrez/Divulgação

Serviço:

Ou você poderia me beijar
Teatro do Núcleo Experimental
Rua Barra Funda, 637 – Barra Funda, tel. (11) 3259-0898
Sextas e sábados, às 21h; domingos, às 19h
De 17 de maio a 27 de julho
R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia).

Veja também!...

1 Comentário

  1. Patricia disse:

    Não deveria contar o final da peça, falar que oc ara morre. Perde a expectativa do público. Um erro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>