Na Mata Café renova cardápio e apresenta chef novaiorquino

Prestes a comemorar 15 anos (em 2015), o Na Mata Café se antecipa e não só renova por completo o seu cardápio da noite, como também apresenta seu novo chef, o nova-iorquino Khahim Johnson. Durante o dia, continua o  variado buffet self-service. A ideia, segundo Cliff Li, proprietário da casa que estudou e morou nos Estados Unidos, é efetivamente reforçar o sabor nova-iorquino do cardápio.

“O Na Mata Café sempre foi conhecido por servir uma comida gostosa a um preço justo. Focamos na mais tradicional e típica comida americana (non fat, é claro) e vamos seguir nessa mesma pegada, mas com um toque acentuado de sofisticação. Preparamos o trio pastas, pizzas e burgers com farinha orgânica e produtos frescos. Também trabalhamos com dois peixes norte-americanos. Nosso cliente normalmente sai daqui com um gostinho de quero voltar”, explica.

namata

Salmoncate – tartar de salmão selvagem sockeye do Alasca, abacate, tomates, cebolas roxas, limão, dill e crispy de alho poró (Divulgação)

Para isso, Cliff contratou o chef, ex-professor do ICE (Institute of Culinary Education) e produtor Khahim Johnson, que trabalhou em vários restaurantes em Nova York, dos quais o Per Se (três estrelas Michelin do chef Thomas Keller) é o mais importante. Ele também foi responsável pelo catering do US Open. Em Nova York, produzia a festa Funkbox, que chegou a receber Madonna e Gregory Hines, entre outras celebridades. Nos últimos três anos, morava em Tóquio. Em São Paulo, Khahim conseguiu reunir em um só lugar, no Na Mata Café, suas duas paixões: comida e música.

Entre tantas delícias do novo cardápio, vale a pena começar pelo Jimmy Cliff Jamaican Beef Patties (pastéis assados feitos com farinha orgânica e recheio de carne ao curry acompanhado de mango chutney) e pelo Foreplay (mix de quatro raviolis, massa feita na casa, cada um com recheio diferente – pumpkinroli (abóbora), spinaroli (espinafre), beetroli (beterraba) e ravineri (tinta de lula)). Entre os sanduíches, vá de Hankyspanker (hambúrguer com mix especial de carnes, queijo cheddar inglês, alface romana, tomate, cebola roxa e picles servido em pão de brioche feito com farinha orgânica), uma das apostas da casa.

Para quem gosta de pizza, experimente a Porky´s (massa fina, crocante, feita com farinha orgânica, mussarela, linguiça toscana com sementes de erva-doce, cebola e pimentão vermelho salteado e caramelizado e molho de tomate). Também entre os destaques, dois peixes norte-americanos: Salmoncate (tartar de salmão selvagem sockeye do Alasca, abacate, tomates, cebolas roxas, limão, dill e crispy de alho poró) e Black Cod (peixe branco selvagem do Alasca levemente grelhado servido com arroz de jasmim ao leite de coco com melodia de cogumelos)

Caso prefira frango, a sugestão do chef é o Pappachicks (pappardelle feito na casa com farinha orgânica servido com tenro peito de frango assado em molho cremoso com chalotas, alcaparras e tomates secos).

Serviço:

Na Mata Café
Rua da Mata, 70, Itaim, tel. 3079 0300

Veja também!...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>