Casarão do Belvedere recebe espetáculos gratuitos inspirados na obra de Caio Fernando Abreu

Até o dia 26 de setembro, o Casarão do Belvedere apresenta as peças Réquiem para um rapaz triste e Cerimônia do Adeus. Ambas têm entrada gratuita e trazem a personagem Alice, inspirada nas personagens femininas do autor Caio Fernando Abreu. As montagens são apresentadas no mesmo dia, com um intervalo de 15 minutos entre elas. A primeira tem direção de Ivania Davi e a segunda, Rodolfo Lima.

Foto: André Stéfano/Divulgação

Foto: André Stefano/Divulgação

Alice é uma mulher solitária, que apoiada no cigarro, dialoga com o público sobre suas escolhas, reverberando em temas como o amor, a falta, a solidão e a procura. Interpretado pelo ator Rodolfo Lima, a peça tem uma proposta realista, e o público adentra o quarto da personagem, para juntos vivenciarem o drama daquela mulher.

Réquiem para um rapaz triste surgiu no final de 2002, em ensaios abertos no Teatro de Arena Eugênio Kusnet, passou pelo Fringe – Festival de Curitiba em 2003, como uma crítica positiva de Sérgio Salvia Coelho (Folha de São Paulo) e estreou oficialmente em 2004, no Espaço Oficina, localizado no bairro da Santa Cecilia.

Desde então, a peça foi apresentada todos os anos e já passou por diversos espaços no Estado de São Paulo (Assis, Campinas, São José dos Campos, São José Rio Preto, Santos, Santana do Parnaiba e diversos espaço na capital paulista), Paraná (Curitiba), Pernambuco (Recife), Rio Grande do Sul (Porto Alegre), Bahia (Salvador, Alagoinhas, Santo Amaro da Purificação, Porto Seguro) Ceará (Fortaleza) e Rio de Janeiro. Seja em festivais, apresentações privadas, temporadas e ou simpósios sobre a vida do autor Caio Fernando Abreu.

Foto: André Stéfano/Divulgação

Foto: André Stéfano/Divulgação

Cerimônia do Adeus, surgiu em 2013, no evento Réquiem para um rapaz triste – 10 anos, para satisfazer um desejo do público que pedia a volta da personagem. É a segunda vez que as duas partes serão apresentadas em conjunto. Tirando a temporada de estreia, a “dobradinha” somente tinha sido apresentada em Salvador e Recife.

 

Serviço:

Réquiem para um rapaz triste e Cerimônia do Adeus
Casarão do Belvedere
Rua Pedroso, 267, tel. 11 5549-7131, Bela Vista (Metrô São Joaquim)
Sábados, às 21h
Até 26 de setembro
Classificação: 16 anos
Grátis.

 

Veja também!...

2 Comentário

  1. 22 de agosto de 2015

    […] Casarão do Belvedere recebe espetáculos gratuitos inspirados na obra de Caio Fernando Abreu […]

  2. 25 de agosto de 2015

    […] Casarão do Belvedere recebe espetáculos gratuitos inspirados na obra de Caio Fernando Abreu […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>