Dois espaços culturais na capital recebem nova temporada da peça “Bicha Oca”

A partir de outubro, dois espaços culturais de São Paulo recebem a nova temporada da peça Bicha Oca, adaptação dos contos homoeróticos do autor pernambucano Marcelino Freire, sob direção de Rodolfo Lima. Indicado para maiores de 18 anos, a peça versa sobre a realidade de Alceu, um homossexual envelhecido que rememora os hábitos do passado, suas histórias amorosas e seus questionamentos, provocando assim, uma reflexão sobre a atualidade e pertinência das questões dos gays. No elenco, Rodolfo Lima e Samy Dias. Na Casa Contemporânea, a peça fica em cartaz entre 2 e 30 de outubro. No Espaço Parlapatões, de 7 de outubro a 11 de novembro.

Divulgação

Divulgação

Questões essas que abrangem o preconceito e a tolerância, diante de um quadro de hostilização. A peça volta em cartaz e faz parte da programação de opções de histórias em cartaz, com temática parecida, para que possa assim, oferecer outra forma de se olhar para questões dos homossexuais. A peça foi indicada como destaque de 2014 na categoria Teatro na 4° edição do Prêmio PapoMix da Diversidade.

A peça tem proposta minimalista e realista, iluminação crua, potencializando a literatura do autor. Livremente inspirado nos contos utilizados: A volta da Carmem Miranda, Os atores, Meus amigos coloridos, Coração, foram publicados em seu livros, com exceção de Seu Alceu, miniconto inédito, cedido especialmente para a montagem.

Divulgação

Divulgação

Serviço:

Bicha Oca
Casa Contemporânea
Rua Capitão Macedo 370 – Vila Mariana – tel: 2337-3015
De 2 a 30 de outubro
terças e domingos, às 20h
R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia)
60 minutos
Classificação: 18 anos.

Espaço Parlapatões
Praça Franklin Roosevelt, 158 – Centro – tel: 3258-4449
Sextas, 23h59
de 07 de outubro a 11 de novembro
R$ 40 (inteira) R$ 20 (meia).

Veja também!...

2 Comentário

  1. 24 de julho de 2015

    […] Espetáculo inspirado na obra de Marcelino Freire reestreia na capital […]

  2. 2 de agosto de 2015

    […] Espetáculo inspirado na obra de Marcelino Freire reestreia na capital […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>