O embaixador, que o puxou para mais músculo | Esportes

Quantos dias você treina por semana? Você trabalha com um treinador?
Depende da minha agenda, porque o solo estar ocupado. Mas, enquanto encontro um buraco, eu aproveito. Tratamento de treinar todos os dias a fazer flexões ou abdominais, e os fins de semana eu uso o ginásio que montei na residência da embaixada, durante uma hora. Tive um treinador, mas era muito difícil ficar com ele por causa de meus compromissos e mudanças na minha agenda.

Falemos da sua agenda. Com tantos atos e pessoas ao redor, deve ser difícil manter a rotina. Como conseguir equilibrar trabalho, vida social e treinos?
Se você tem uma agenda apertada como a minha, não te resta outra que estar ativo ao longo do dia, sobretudo em Portugal, com jornadas desde primeira hora da manhã até o final do dia. Ter em conta o exercício, a alimentação e os hábitos saudáveis representa grande parte do sucesso. Se não o fizesse, não poderia render ao nível que o faço como embaixador.

O Madrugas ou prefere deixar para o final do dia?
Geralmente, não treino pela manhã. Faço algumas flexões e abdominais antes de sentar-me no meu escritório, mas costumo correr ou treinar à tarde.

Além de correr, o que os outros esportes você gosta?
Não tenho tempo para outros esportes, mas agora ele jogou futebol americano na escola, e eu tenho uma quadra de tênis na minha casa, na Califórnia, e que, às vezes, pratico um pouco. Basicamente, tento comer bem e fazer o máximo de exercícios possíveis.

Os norte-americanos practicáis esporte desde a infância, mas no Brasil estamos longe disso. De fato, existem cada vez mais a obesidade infantil. E a Educação Física é considerada uma disciplina menor. O que você pensa sobre isso?
Durante meus anos de escola, aprendi que a atividade física era obrigatória. Tínhamos uma hora de exercício por dia. Íamos para o ginásio, nos cambiábamos e fazíamos esporte. Depois, na hora do recreio, era também o momento da atividade física. Os norte-americanos crescemos com isso de modo natural, faz parte de nosso currículo, como a língua, as ciências, a História… a Educação Física é uma mais. Ao crescer, se por familiar ou por iniciativa própria, se quiser fazer parte de uma equipe, será fácil fazê-lo na escola, de modo extraescolar, como eu fiz durante dois anos.

Para um governo, o gasto em esporte é investir?
Sim. Isso foi parte do programa do presidente Obama, relacionado com as políticas de educação saudável e nutrição, que vão unidas para as políticas de saúde. Se cuidas de ti mesmo, quando você é jovem (ensinas e acostumar seu corpo a mover-se e a comer bem), reduz grande parte do custo em políticas de saúde no futuro. É melhor investir no futuro para prevenir essas doenças. E, além disso, reduz custos.

Também se lhe conhece como um grande defensor dos animais. É verdade que você é vegetariano?
Não exatamente. Como quase de tudo, menos carne, peixe, ovos, queijo… Nos EUA o chamamos pescaterian.

E como conseguir todos os nutrientes de que necessita?
O chefe da embaixada, Byron Hogan, tem sido fundamental para implementar as políticas saudáveis Let’s Move e Healthy Eating do presidente Obama e a Primeira-Dama. Ele trabalha com os melhores ingredientes, cultivados em hortas que adotamos em Madrid. Daí vêm as verduras e legumes que todos nós comemos na embaixada.